Quem fala o que quer…


É isso aí: quem fala o que quer, às vezes, ouve o que não quer! Nem sempre respondo a algumas besteiras da forma que desejo, por respeito aos leitores, mas algumas lorotas precisam de réplicas rápidas e com precisão cirúrgica.

Amanhã já é fim de semana, estou no início de uma gripe lazarenta e precisava pegar no pé de alguém pra me sentir acompanhado no desconforto diário. Qual não é minha surpresa, quando me lembro de verificar os resultados das enquetes ativas do blog e me deparo com uma lista infindável de baboseiras!  

Quem fala o que quer, ouve (e lê) o que não quer!

A opinião de todos os leitores é bem-vinda, mas é incrível mesmo como eu ainda confio cegamente no bom senso dos que aqui aportam e se aventuram a expressar suas ideias! O que as pessoas acham ou deixam de achar é responsabilidade delas, mas pelo menos espera-se que se atenham ao assunto, tenham boa medida nas palavras e estejam cientes de que o blog é aberto a pessoas de todos os segmentos.

Abaixo as duas enquetes, ainda abertas, no Dies Irae, a saber:

A primeira dessas enquetes, e a mais recente também, pergunta o que a pessoa acha das ideias heterodoxas, que circulam por aí, de que Jesus teria se casado e tido uma filha. Vejam os resultados até esse momento:

Resultados sem manipulação, ordem de alternativas é aleatória, são vedadas as votações repetidas para um mesmo IP, apuração automática e sem intervenção de quem quer que seja. Para ambas as enquetes, há a opção de escrever algo mais, além de votar. Vejam as respostas a essa enquete:

Respondo aqui a cada um dos comentários constantes ali:

    • vai procurar o que fazer – Alguém entra no espaço cedido por outra pessoa pra falar isso, e sou eu que não tenho o que fazer?
    • No matter what jesus be! – Realmente, não interessa o que ele tenha sido ou feito na Vida. Afinal, do que nos importa o que fez um carpinteiro que inspirou bilhões de pessoas planeta afora, não é mesmo?
    • Casou-se e teve filhos – Resposta objetiva, sucinta e sem lero-lero. Se tivesse respondido o contrário, não faria diferença diante da qualidade.
    • Jesus não é perfeito , ele se relacionou com Maria Madalena e teve uma filha – É impressão minha, ou Jesus não teria sido perfeito por, supostamente, ter-se casado??
    • Depemdem de estudos aprofundados, e empiricus, e complicado – Hã?? Bem, já começou a complicar, inclusive pra ler!
    • jesus é esposo sim e bem casado com sua igreja tanto é que se refere pasagen bib – Vou tentar traduzir: “Jesus é esposo sim, e bem casado com sua igreja, tanto é que se refere passagem bíblica (…)”. Olha, isso parece ser argumento de alguma despeitada! “Ora essa, imagina o Senhor enrabichado com uma putona!”
    • Jesus era um homem normal e comum que não estava a cima da Lei (era casado!) – Me falaram que ele falou” que ele não veio pra passar por cima de lei alguma, mas para cumprir cada uma delas! Sendo contrair matrimônio uma das leis para um judeu “normal”, acho que ele não deve ter tido problemas com isso.

***

Na postagem mseguinte, publicarei os comentários feitos pelos votantes na enquete sobre os ninfomaníacos. Não percam! Até a próxima!

Anúncios

25 comentários

    1. Acho que é gripe mesmo. Se o xarope sem açúcar que comprei (sou diabético) fizer o mesmo efeito que o convencional, me livro do bloqueio no peito, mas não escapo à garganta inchada, com duas ínguas quase me afogando aqui. Afff…
      Abço!

      Curtir

  1. Credo, mas pq vc tá se incomodando com os comentários de outras pessoas?? Sendo os comentários lícitos ou não, todos tem liberdade de expressão, até mesmo aqueles que tem nenhum, pouco ou muito entendimento. Não a nada de mais, uma pessoa achar que: jesus é esposo sim e bem casado com sua igreja… Qual o problema?? É opinião dela, o que sente… Não há nada de mais nisso. Seu blogg é para o público, goste ou não das respostas.. Em todos os lugares haverá pessoas que as vezes gostam de expor seus pensamentos de formas um pouco grosseiras, mas não deixam de expor o que acham. Se não quer que as pessoas digam o que vc não vai gostar de ler, então, não libere os comentários sem sua aprovação. Fica mais bonito. Pq a impressão que temos, é que é algum tipo de idealizador (mesmo que idealizar), que não aceita algo que não esteja de pleno acordo. Sou uma estudiosa da Bíblia e de seus muitos segredos. E sou evangélica. E as opiniões alheias (algumas), não me fazem “esquentar a cabeça”. Não deixei nenhum comentário no seu blogg, exceto este, mas é pq foi ao meu e-mail, e achaei besteira vc responder a esse tipo de comentário. Mantenha a qualidade de seu blogg. Não responda a coisas que acham que não merecem, ou que por despeito, até merecem atenção. Abraços pRi….
    http://www.facebook.com/priscilamendes.zaap

    Curtir

    1. Bom dia, Priscila!

      Esse exemplo das enquetes foi a maneira light de mostrar como as pessoas abusam da liberdade que recebem. Investigue e veja se você vai achar alguma coisa minha escrita em que eu agrida ou desmereça as crenças de alguém. Não encontrará, sabe por que? Por exatamente saber que outras pessoas que pensam diferente de mim vão aparecer.

      Os comentários precisam de aprovação sim, não são publicados automaticamente, não! Aprovo alguns pra poder responder em público o que algumas pessoas falam em segredo, pois pelos “Termos de Uso do Site” elas saberiam que seus comentários passariam por aprovação. Algumas se dão mal, ao acharem que não aprovo comentários por elas falarem certas coisas chulas neles. Pois aí é que aprovo, e respondo de acordo com o tom que elas usam.

      Pouco me importa de que lado dos debates cada um está, mas me interessa é a relação, a conexão. Se eu concordo com a pessoa ou ela bate de frente comigo, mas sem perder a linha, dizendo baseada em que ela se diz contrária a A ou B, aí a coisa anda, e todos andam juntos e pra frente, cada um tentando preservar sua posição e acrescentando elementos de reflexão aos temas.

      Ok, a gente sempre pode errar e se exceder na sátira, mas preferi falar desses comentários às enquetes do que de centenas deles em apenas dois artigos em que simplesmente as pessoas estão pra passar pela tela e babar na cara de quem estiver escrevendo. Não podemos esquecer que estamos no mês do cachorro louco. Bom é prevenir!

      Tudo é flutuante, até os conteúdos do blog. Então, obrigado por intervir segundo sua Consciência. Ainda devo rever tudo isso aqui. No próximo post, que será sobre a enquete sobre Ninfomaníacos, quem sabe eu nem comente o que eles falaram. Talvez, apenas publique como printscreen o que eles falaram e pronto!

      Vou te add no Facebook, ok? Isso se eu já não tiver te adicionado. Bjs e até mais!

      Curtir

  2. Creio que para se dar alguma opinião, ela deva ser fruto de pesquisas, tenha um embasamento e então teremos um conteúdo conclusivo
    Aí poderemos dizer; segundo fulano de tal (tem que ser alguém que valha a pena.) Ou então, dizer: Segundo meus prolongados períodos de meditação, quando reuni todos os sabios existentes em minha memória, conclui que…

    . Do contrário será mesmo uma baboseira atrás da outra, de mal a pior. E lê-las quando estamos numa gripe LASARENTA ( de morrer para depois ressuscitar, feito Lázaro?), piora mais ainda.

    Sinto muito. Mais uma vez, repito: Não permita que esses Famigerados, iletrados, incultos, te façam perder a linha de PRINCIPE e baixar o nível com palavras chulas. Deixe isso para eles, tá bem?

    Curtir

    1. Oi Leila! Há quanto tempo não falamos, hein?
      Você bem sabe que não deixo os famigerados sem resposta, ainda que não caia ao baixo nível no linguajar sempre que me sinto impelido a isso. Da mesma forma, não deixo à deriva aqueles bons debatedores do blog, sejam eles de mesma opinião que eu ou diversa.
      Infelizmente, não há ainda como estabelecer critérios ao permitir que escrevam comentários, já que o blog é um site, e não um forum. Ainda assim, por mais absurdos que algumas sentenças possam parecer, as aprovo para que eu possa ter o direito de resposta não sonegado pelo veto ao comentário antes que seja publicado. Quero que as pessoas vejam o que os outros escrevem e decidam qual exemplo não querem seguir.
      Sobre a gripe LAZARENTA, acordei agora há pouco, com a garganta doendo e com dificuldades para engolir. Suspeito de faringite simples (garganta inflamada) ou amigdalite (hám duas ínguas do tamanho de bolas de gude no meu pescoço nesse momento). É “lazarenta” sim, porque Lázaro é o santo dos doentes.
      Bjs e volte sempre!

      Curtir

  3. É, Ebrael, o mundo é um prato sortido e sempre foi, enquanto todos não SE CONHECEREM e não conhecerem a Natureza. E o que ela quer ver é a paz, o amor e a fraternidade entre os povos, firmando-nos em nossas semelhanças que é o dever de amar o próximo como a si mesmo e fazer o bem sem olhar a quem. As divergências pertencem à nossa parte animal, a nossa parte inconsciente, que é da matéria. E a matéria não tem conserto, por isso, melhor fazemos é não dar a ela o valor e a importância que ela não tem. Os erros e defeitos são da parte animal, material (visível e invisível) e nossa semelhança é do raciocínio, a centelha divina, onde habita nossa semelhança, não só existente entre nós, mas, principalmente com o SER SUPREMO. A humanidade sofre por desconhecer isso e valorizar o que não deve. E o nosso tempo de vida é tão curto! Devemos utilizá-lo de forma eficaz, investindo tão somente no que é preciso e necessário para nossa evolução. E todos um dia chegarão a essa conclusão, porque é o que a Natureza quer… e ninguém na Terra mais poderoso do que Ela. Ah, para sua gripe, tome chá de melão de são caetano (erva – 1 colher de sopa)), 1 semente de sucupira macerada (para sair o óleo interno) e um dente de alho cotadinho.Tudo isso em 1 litro de água. Deixar ferver uns 5 minutos, abafar e tomar morno, mais pra quentinho. Não pode tomar friagem após ingerir o chá. É tiro e queda na gripe. Grande abraço!

    Curtir

      1. Melão de São Caetano, dá muito em cercas, é uma trepaderazinha que dá uns melõezinhos compridinhos, pequenos, amarelos, isso a gente acha muito nos matos. E semente de sucupira você acha em qualquer loja de produtos naturais e ervas.Nas casas de ervas você também vai encontrar também o Melão de São Caetano. Melhoras pra você! Abraços!

        Curtir

  4. Olá Ebrael

    Tirando a primeira, as outras dá para discutir e esclarecer. Naturalmente, as opiniões vão divergir.

    Eu, por exemplo, por ter uma formação cristã, prefiro não olhar o lado polêmico do novo testamento, mas isso não me livra da tropa de elite de minha querida igreja católica.

    Eu me concentro na parte filosófica sem ser um pregador da verdade, porque eu sei o quanto é difícil ser santo, também sei o preço. Estou entre o santo e o bruxo e rezando para que Deus me ajude.

    ABS

    Curtir

  5. Em primeiro ,eu gosto muito do assunto,então por isso expresso a minha opinião,da forma mais direta possível. Penso que para descobrir fatos que aconteceram em um passado remotíssimo,não é fácil,principalmente na questão dos detalhes,vai sempre aparecer dúvidas,por mais que passe o tempo,penso que nunca se chegará a um concenso,más por outro lado, não tem outro jeito,somente com estudos e pesquisas,pode se chegar a algum lugar. Agora a opinião de cada um,vai depender do que ele acredita,falo da questão da chamada Fé,quem a tem,nunca irá
    se importar com a história,seja ela como for,esse pessoa acredita e sempre vai crer
    que Cristo era um santo,filho de Deus ou o próprio Deus,salvador da humanidade,o Messias,enfim tudo que ele precisa para se sentir protegido e se sentir motivado para
    viver cada vez mais feliz. É isso!

    Curtir

    1. Boa noite, Afonso! Como vai?

      Eu acho que as pessoas, e mais ainda as esclarecidas, levariam em mais alta conta as descobertas dos historiadores e arqueólogos se boa parte da História oficial não tivesse sido tão adulterada. Se, para um crente católico esclarecido, ficam patentes todas as adulterações e maquinações que houveram na história eclesiástica por parte da Cúria, quanto mais não desconfiarão das versões de descobertas e postulados que a Ciência Acadêmica (predominantemente ateísta) promulga!

      Acho que o grosso do povo cristão é supersticioso e devocionista, o que é diferente de fiel cristão, que se aprofunda nos aspectos metafísicos da Criação e do curso da redenção da raça humana, levando em conta os aspectos sutis e grosseiros da mesma Criação, como Tomás de Aquino fazia.

      A filosofia cristã (autêntica) está mais próxima das Academias (Centros da Ciência) do que você pensa! O que nos macula é o ranço das superstições populares, suas histerias coletivas, mas que era comum aos gregos da época clássica, justamente a origem de Platão, Sócrates e Aristóteles. Veja só! O que torna a religião insípida são os narizes das pessoas que a perfazem, e não sua doutrina essencial. São as pessoas que deturpam os ensinamentos superiores. Fizeram assim com Sócrates, e o fizeram beber cicuta. Fizeram com Jesus de Nazaré, e o que fizeram?

      Um abraço e obrigado pela visita! Volte sempre!

      Curtir

      1. Boa noite Ebrael,tudo bem?
        Entendo perfeitamente seu ponto de vista e as suas colocaçôes sobre este assunto,mas penso que as pessoas entendem por Fé religiosa é esta que as
        igrejas evangélicas ,católicas e enfim seguidores do evangelho cristão,pregam; quando a coisa ,quero dizer a forma de se ditar o evangelho,começa a ter um seguimento mais profundo,ou seja de maneira filosófica ,pelo menos a grande maioria das pessoas não entendem nada. É como, somente como exemplo
        a história da volta de Cristo,estão esperando ele voltar faz 2000 anos. Será que não cansam? Ora tá na cara que ele não volta mais! Mais aí é onde entra o sentido figurado, e as igrejas começam a mudar a forma de dizer,então falam: – Cristo já voltou ele está aqui no meio de nós,Cristo está vivo.
        Você está entendendo aonde eu quero chegar? Os templos evangélicos
        estão evoluindo, tem segmentos da igreja Batista que já estão pregando a não existência do demônio,isto lá nos EUA e também parece que já chegou aqui no Brasil, eles já não aceitam mais o Demônio como um ser ou pessoa e sim como o mal entranhado no próprio homem e esta também ( Li a matéria na Super interessante)é a forma que eu entendo isto já à muito tempo. Para aqueles que não seguem nenhuma religião nem frequentam um templo evangélico,fica fácil aceitar o evangelho do Cristo visto por um outro aspecto,digamos mais evoluído,mas para a grande massa que lotam os templos evangélicos,católicos,simplesmente eles seguem os ensinamentos do Cristo,da forma que as igrejas colocam. Quando seus sacerdotes superiores
        resolvem fazer alguma mudança eles aceitam e pronto!
        O Diabo personificado está com os dias contado,certas igrejas neoevangélicas insistem na figura do Diabo como um ser porque é interessante
        para eles que as pessoas continuem acreditando assim,porque vão continuar
        frequentando as igrejas na esperança de se livrarem do Demônio.
        Me desculpe se digo coisas que você já sabia,mas tá aí! Um abraço!

        Curtir

      2. Boa noite, Afonso!

        No tocante à estratégia infame dos clérigos e “Pastores” aproveitarem da “onda” em proveito próprio, é indiscutível, nada tenho a acrescentar ao que você disse.

        Mas, quando eu falo do Demônio, não falo por crenças ou superstições. Eu convivi por 15 anos com os “erós” (segredos) dos Exus e sei que o deus que os Exus adoram é sim aquele que os cristãos apelidaram de Lúcifer, e que a própria Maçonaria adora. Ora, se a Maçonaria, que manda em tudo, se preocupa em esconder isso para todos aqueles até o grau 32, por que fariam isso se não tivesse fundamento??

        Sobre a Maçonaria, que se diz monoteísta e adoradora de Deus, leia o primeiro parágrafo desse link, principalmente o final do parágrafo:

        http://somostodosum.ig.com.br/clube/artigos.asp?id=11804

        Eu VI E PRESENCIEI manifestações incontestes de que o Diabo existe, ouvi e fui testemunha de prodígios nos quais você só acreditaria se visse. Eu já repeti muito o que você declarou, principalmente o que os Exus mesmos dizem: “que Diabo não existe, que eles não são demõnios, que Inferno é a Vida do homem sobre a Terra”, ou como Platão declarava…”O Homem é o artífice de suas próprias dores”.

        Eu vi o “ne plus ultra” do que você não vê daquilo que se passa no ambiente de um cemitério. Vi e ouvi os gritos daqueles que sofriam diante de um Senhor Caveira , que tiranizava e aprisionava em seus domínios as almas dos recém-desencarnados…eu não tô simplesmente falando. EU VI!

        Sim, Diabo existe, e ele é sim o Príncipe deste mundo, que se alimenta de toda a Vida distorcida, desviada e que regurgita seu desejo pela Morte. Eles não tem Vida, estão condenados. Não têm Consciência da própria Natureza, de tão fechados em sua pretensa sabedoria que estão.

        Não estou fazendo proselitismo, nem quero! Passei 15 anos em contato com as Trevas, e passei o Cão pra conseguir me afastar. Sofri obsessão, tive pesadelos horríveis que jamais poderiam ter se originado de minha cabeça, pois falavam de coisas secretas que eu não teria como saber. Me perseguiram, explodiram meu notebook quando estava escrevendo uma mensagem como essa que te escrevo, há um mês atrás. Explodiram o transformador da frente da casa de uma garota enquanto falava contra eles, o que me impediu de falar com ela por alguns dias…Enfim, eu posso te garantir por experiência própria.

        Eles existem, e se você não toma uma decisão de se aliar ao Deus de seu Coração, ao Criador, seguir suas leis e os ensinamentos do Cristo, Salvador dos Homens, ao menos seus ensinamentos, eles te “catam” sim. Nós não podemos nos manter de pé sozinhos, senão pela Luz do Espírito Santo, que dá Vida e a mantém em toda a Criação, renova todas as coisas, desde sempre e pra sempre!

        Até mais! Um abraço!

        Curtir

  6. O que eu sei meu caro Ebrael é que eu já fui ´`a terreiro de candomblé,centros espíritas,”igrejas que dizem expulsar demônios ” e nunca vi nada,não tenho nenhuma preocupação com demônios ,não creio na existência deles,nada temo e não vejo Deus como um ser de espírito ou Creador,mas sim como acreditava Eistein ,um Deus que é o próprio universo,não consigo imaginar em nenhum ser que possa ter creado os gases dispersos no universo,ha uma teoria que fala que o universo sempre existiu,se é desta forma ou daquela isto naõ importa muito ,porque? Os pesquisadores,cientistas estarão sempre aí,de plantão para avançar mais e mais . E voltando esta estória de macumba,vudu,feitiço ,trabalho na encruzilhada ,nada disso faz sentido, se realmente fosse verdade,coitado desses políticos corruptos,eles são odiados por tanta gente que se quisessem já teriam acabado com todos eles.
    Deus em espírito para mim tem que estar ligado ao chamado sobrenatural,
    figuras demoniacas,anjos e coisas assim,e também espíritos de mortos,”inclusive até na bíblia nos encontramos este assunto”. Mas estudiosos do assunto na maioria magos,provam sempre que os tais espíritos que as pessoas dizem ver,não passa de ilusão. Um irmão que eu amava demais,faleceu há 2 anos e pouco,chorei demais quando isto aconteceu,no quarto enquanto eu estava em prantos,eu poderia jurar que via sua imagem,sonhos então era toda noite,mas nos sonhos ele nunca me dizia nada,e era tudo em névoas, obscuro como todo sonho é,foi assim uns 40 dias ,hoje não sonho mais c/ ele e para mim isso nada significou. O vulto que eu achava que era dele era apenas a cortina da janela.
    Tem um mágico canadense,não lembro do nome agora há muito tempo está pagando um prêmio de 1 milhão de dólares para quem conseguir provar que é paranormal até agora ,que eu saiba não apareceu ninguém. Se não existe
    paranormal,não existe vidente,médium,cartomante,etc… então o que existe?
    Minha mulher fala que viu o espírito do seu avô,no dia que a sua avó estava doente no leito e logo depois veio a falecer. Muita gente conta estórias como esta,
    mas nunca se provou nada ,penso que tudo que é real tem como ser provado,seja
    demônio ,espírito,anjos ou o que for.
    A religião e a ciência está sempre em conflito,ora porque isso? Na própria bíblia exatamente em provérbios,praticamente em todo ele fala da importância da sabedoria,do conhecimento(ciência) inteligência. Na bíblia nós podemos encontrar tudo que quisermos,ela dá asas para a imaginação,deram para ela mil interpretações,por isso tem tanta igreja por aí e a cada dia aparece uma nova,na maioria delas ,senão em todas está sempre lá na frente um exorcista de demônios.

    Ora eos demônios nunca está lá? ,aquelas pessoas que estão se contorcendo no chão,são pessoas que ou estão ganhando uns trôco para representar ou vai no embalo,já assisti a inúmeras reportagens onde as pessoas caem no chão ou rolam e isso já ficou claro que é tudo mentira eu já presenciei isso várias vezes, e veja bem como sou muito observador eu já notei há muito tempo que na maioria quem cai no chão são as mulheres,porquê?
    Será questão de preferência do Diabo?
    OBS: Quem souber onde tem endemoninhado eu quero ver com meus olhos,
    mas veja bem ,não no sentido figurado,na real .
    Na bíblia procuraram Cristo para expulsar o demônio de um jovem,ele diz que se jogava no fogo outras vezes na água,mas ao mesmo tempo que se fala que ele estava endemoninhado,fala também que era um lunático,ora se naquele tempo,já pensavam assim e hoje? Hoje só existe pessoas com problemas mentais,que algum tempo atrás eram chamados de loucos.
    Eu vou pensar o quê? Para mim tudo é uma questão de época.
    E isso!

    Curtir

    1. Sim, claro, é tudo estória! Todos contam a mesma estória, todos são da mesma laia, certo? Ou estão tendo alucinações ou são charlatães! Entendo… como eu, inclusive! Com certeza, devo estar com algum desejo secreto de fundar uma estação de descarrego expressa para sexta-feira à noite!

      Como eu disse, sonhei sim, e muito, mas vi também, vi e ouvi! Estava bem acordado, e não estava sozinho, isso só pra me certificar que, se algo acontecesse, eu teria testemunhas!

      Enfim…os pesquisadores estão aí pra provar que teorias científicas são todas incompletas. O próprio Einstein provou isso, desbancando Newton, e ainda assim não conseguiu terminar de expor tudo que tinha em mente….

      É isso aí! Boa noite e um abraço! Que Deus te abençoe e te ilumine!

      Curtir

      1. Olá Ebrael,tudo legal!
        Desta vez não vou me estender senão fica parecendo um jornal,certo?
        Só para complementar ,gostaria de falar só mais uma coisa,em primeiro se aconteceu isso mesmo com você,realmente deve ter sido terrível,mas como tudo que existe no universo,deve ter algum propósito ,quem sabe!
        Essa coisa de “acreditar”e uma palavra interessante :acreditar,crer,ter fé,sempre que está ligado ao lado místico,é o que todo religioso sempre pergunta,
        – Você acredita? É, você tem que ter fé. Creia! Mas parece que se esquecem
        que você,não escolhe esse tipo de coisa,você não escolhe crer,por crer,tem que ter uma base ,um fundamento,uma experiencia vivida,acontecer algo na vida da pessoa para começar a crer em algo acima desta nossa vida, como foi por exemplo
        com Allan Kardec no inicio ele não acreditava em nada,depois de várias observaçôes com mesas girantes e outras experiências,não somente acreditou
        mas conheceu,ficou sabendo,se certificou aí aconteceu o que já sabemos.

        Eu penso,só para terminar,que crer só não basta,acreditar é somente ter por certo,não sgnifica que é,acredita-se que é. Um abraço!
        Agradeço pela oportunidade que poder expor aqui minha maneira de pensar.

        Curtir

      2. Concordo inteiramente, mas podemos não ter conhecido a macieira que deu as maçãs que comemos hoje. Afinal, ela pode estar no alto da serra, muito longe no Espaço (e no Tempo). Mas, sabemos que são maçãs, e que a árvore que as gerou era, certamente, uma macieira. “Pelos frutos, conhecereis a Árvore”. Claro, a macieira pode ter dado frutos que os atravessadores podem ter estragado em sua viagem de transmissão. Procuramos as maçãs boas, ainda que não acreditemos que elas vieram do Sul, mas de algum lugar onde não nascem macieiras… Encontramos essas maçãs, e a doçura de uma única testemunha viva da macieira já nos é suficiente pra ter por certo a existência da macieira… viva ou morta!

        Eis uma testemunha da macieira, um dos muitos frutos autênticos da vida que a “Árvore” oferece. Testifica a excelência da “Árvore” pelos frutos que traz e oferece…Assista o vídeo inteiro, ou o máximo que conseguir.

        Sim, eu não acredito naquilo que te disse, EU VIVI AQUILO, estava no espaço-tempo dos fatos, não estava apenas repassando um relato! Isso me é suficiente, pois nenhuma alteração psíquica se deu em mim em seguida, o que me permite dizer que continuei estável mentalmente, não obstante ter sido terrível a experiência…

        Como eu já te disse, sinta-se sempre bem-vindo! Esse espaço está aberto a todos os debatedores e buscadores de boa vontade e de respeito!

        Um abraço!

        Curtir

  7. Boa noite Ebrael!
    Eu estou assistindo o vídeo neste momento comecei agora .Eu levo muito à sério
    todo ser humano ,principalmente aqueles que tem bom caráter e moral,pessoas que se preocupam com os outros,e não é por estar assistindo este filme agora,que fala de uma pessoa de grande alma como foi madre Teresa,o que espero que aconteça comigo é justamente ,viver uma grande experiência,algo que me toque no fundo da alma,não apenas os sofrimentos normais, que acontecem na vida de qualquer pessoa,mas qualquer coisa de sobrenatural,a vida da forma que todo mundo conhece,ninguém duvida de nada,é claro, quando elas aparecem,é com aquilo que está além da leis naturais que conhecemos . Valeu até mais!
    Depois direi o que achei do filme,bom filme é claro!

    Curtir

      1. Tudo bem Ebrael?
        Apenas gostaria de colocar aqui ,a minha humilde opinião. Vou tentar resumir da melhor forma, os pontos que eu achei interessante são: Em primeiro quando Madre Teresa encontra no povo hindu ,gente que pensa como ela,e que lhe dão apoio,no meio de muitos que são contrários,é quando a gente percebe na verdade não importa a religião e seu Deus,mas o interesse que as pessoas tem em ajudar aqueles que precisam de ajuda.
        Agora quando ela fala,que Jesus fala c/ela e lhe pede para fazer as coisas que ela faz,eu penso que na verdade ela simplesmente,tem a convicção de que o que ela faz,é algo muito bom porque ajudando as pessoas,ela se sente cada vez mais forte
        interiormente,lhe faz muito bem,eu não acho que alguém ouve de verdade alguma voz do além,apenas ouve a voz da razão,podemos até dizer que essa voz é divina,tudo bem,más é somente a voz do nosso Eu interno.
        Quando ela sai as ruas ela se dá conta que tem muita gente que precisa de ajuda,
        ela começa a trabalhar em auxílio à essas pessoas,e descobre que isso lhe dá um prazer enorme,tem gente que sente prazer em fazer mal ao próximo,então isto já é uma coisa que está dentro de cada pessoa,pelo menos assim penso.
        Más deu para perceber também,que nem sempre basta só ter boa vontade,boa vontade sim,más para buscar ajuda de bons médicos que tem como objetivo,salvar uma vida,a todo custo,e foi o que ela fez.. E também vimos que quando aquele homem lhe ofereceu uma boa quantia ela pensou um pouco más ,não teve como recusar,é claro,pelo menos neste mundo o dinheiro tem grande importância.
        Nós vimos quem é feito de bondade é incapaz de fazer mal à alguém. Assim como quem tem no seu interior somente maldade é incapaz de fazer o bem.
        Quem quer chamar a boa alma de anjo tudo bem!
        Querem chamar o bicho ruim de demônio tudo bem! Más isso é tão somente metáforas,para mim.
        E também só para terminar,vimos que não tem como passar por cima da lei,para se conseguir algum bem material,somente pelos trâmites legais da lei.
        Não sou uma pessoa religiosa,más fico demasiado comovidocom o sofrimento do próximo,claro que podemos e devemos ajudar o próximo,más para se transformar em uma Madre Teresa ,aí eu penso que não é tão simples assim,senão teria muitas por aí.
        É isso ,obrigado!

        Curtir

      2. É por isso que eu a considero uma autêntica santa, uma supermulher, um ser humano que foi além, muito além de suas limitações físicas e intelectuais. Por suas ações, seu intelecto se desenvolveu dentro do terreno bom, com boas sementes, em prol de sua “raça”, a raça humana. Isso é ser santo para mim: ser mais do que se poderia imaginar ser, fazer mais do que temos obrigação de fazer e reconhecer que nada, nada disso tudo poderia ser feito sem a existência do próximo.

        Por isso, entendo a Divindade como habitando toda criatura. Jesus falou que “a cada um dos pequeninos que se fizesse o bem, a Ele estariam fazendo.” Não há culto à Divindade, nem qualquer superação da condição humana, sem nos dirigirmos ao próximo, por seu Bem unicamente.

        Sim, ela era santa. Sim, não há como não colocá-la à parte dos comuns dos mortais…

        Um abraço!

        Curtir

      3. Sim Ebrael não tenho porque discordar que ela foi uma supermulher,não media esforços para atingir os seus objetivos,pena que pessoas como essa,nem nos dedos dá pra se contar,de tão poucas. No Brasil tivemos a irmã Dulce. Agora o outro lado também como eu já havia dito,ele existe ,e prá mim sempre vai existir,o universo trabalha assim,pessoas boas e más,luz e escuridão,calor e frio,positivos e negativos,então tem também que existir o bem e o mal,eu sei que posso fazer o bem,porque conheço o mal,só não o faço,se ninguém conhecesse o mal,como poderia praticar o bem?. São os opostos, em tudo existe o contrário,portanto sempre ao lado de quem pratica o bem,vai estar um outro fazendo maldade,se no universo tudo funciona com lógica,então tem que ser assim.
        Penso assim porque não creio no fim do mal,na Terra,porque tem que haver resistência,para haver evolução,e isso prá mim é lógica. Tchau e obrigado!

        Curtir

Escreva abaixo seu comentário:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s