Não é a toa que o nome desse grupelho de babacas sem vergonha é “Porta dos Fundos”. Seus extintos cérebros devem estar no lugar de seus terminais defecatórios.

Zombam mundo afora de muçulmanos, e como reage a mídia? Com medo, respeito e peninha dos “perseguidos” muçulmanos. Claro, está tudo dentro dos propósitos dos “politicamente corretos”.

Mas, vejam aqui, a Globo e empresas afins dando guarida a um bando de medíocres que zomba, em série (sim, eles têm séries inteiras ultrajando o Cristianismo), da Fé Cristã, com aplausos dos “sábios” ícones da Rede Esgoto e com a “complacência” do povo que se diz “católico”. Estamos vendo, dia a dia, o artigo 208 do Código Penal (que deveria nos dar proteção contra vexames e ultrajes) ser usado somente a favor dos outros credos, menos da Fé Cristã, que é solapada e pisoteada com fúria pela mídia, pelo Governo Petralha e movimentos financiados pelo Socialismo de Estado (gayzistas, feministas, abortistas, MST, etc).

Nessa semana, vimos essa corja de criminosos canastrões, chamada Porta dos Fundos, destilarem mais uma dose de seu ódio anticristão contra a Tradição Católica, professada por mais de 68% da população brasileira, numa clara demonstração de desrespeito para com o povo, a Lei, na certeza da impunidade e do sucesso entre os propagadores do ódio religioso. Fizeram uma paródia do Natal que mais parece uma piada em rede nacional, piada de mal gosto, que esquarteja o sentimento religioso de um povo.

O vídeo em questão pode ser assistido (é para quem tiver estômago e paciência) clicando neste link:  http://www.youtube.com/watch?v=2VEI_tn090c.

Você pode denunciar este vídeo de duas maneiras (recomendo as duas!):

1) Denunciar o vídeo no site da Polícia Federal, neste link <http://denuncia.pf.gov.br/>, e escolher a opção “Crimes de ódio”.  Na tela seguinte, cole o link do vídeo acima no campo “Página da Internet” e, no campo “Comentário”, cole o texto-modelo abaixo citado em itálico.

2) Para quem se dispuser em me acompanhar em minha denúncia do conteúdo infame ao YouTube, solicitando que o mesmo seja retirado do ar, sob pena de processo (Ação Civil Pública) contra os autores e contra o YouTube (por ser conivente com a ilegalidade patente), deixo abaixo um tutorial com imagens, guiando cada um pelo menu correto para denúncia.

Cliquem nas imagens e sigam os passos na ordem dada:

Abaixo, o modelo de texto-denúncia que eu mesmo enviei ao YouTube, com referência às leis infringidas do Código Penal (art. 208) e do Estatuto da Criança e do Adolescente (artigos 16.III e 17), a ser copiado e colado (conforme preferência de cada um) no local indicado no passo 7 (última imagem):

Ao ridicularizar o conteúdo de Fé concernente ao Natal, de eminente importância na Cultura Cristã Ocidental, o referido vídeo expõe os adeptos de tal tradição ao vexame público e situações de ultraje (violando o Art. 208 do Código Penal brasileiro), com danos psicológicos secundários às crianças e jovens, que também, segundo o que reza o Estatuto da Criança e do Adolescente (http://goo.gl/zYD8Lf) nos artigos 16 – III, e 17, gozam de proteção contra “bullyng” (vexação ou constrangimento), inclusive por motivos de crença.

Tendo em vista a responsabilidade não somente dos autores, que estão já sendo acionados judicialmente, o YouTube no Brasil poderá também ser responsabilizado “de jure” por facilitar a propagação de conteúdo midiático de ódio e ultraje religioso, ainda que seja necessária apelação ao Supremo Tribunal Federal, passando por investigação no Dpto. de Crimes Cibernéticos da Polícia Federal brasileira.

Portanto, solicito, por enquanto gentilmente, que sejam advertidos os autores a retirarem o supracitado conteúdo do ar, tornando-o privado, sob pena de deleção sumária e irreversível.

Aguardo resposta.

Atenciosamente,

[SEU NOME COMPLETO].

Apelo ao bom senso de todos, cristãos ou não, porém cidadãos que querem a harmonia na sociedade, ao invés de privilégios a grupos ligados aos esquerdistas, mensaleiros, e ONGs que monopolizam o dinheiro do Ministério da Cultura e da mídia (financiada por seu dinheiro e das estatais), enquanto há tantos bons valores artísticos vivendo à míngua, sem oportunidades.

Apelo, sobretudo, aos católicos, para que não fiquem imersos apenas em mensagens amigáveis de Natal. A vida não é só essa letargia autoconsoladora, mas defesa de nossos valores, aqueles mesmos valores que ajudaram a legar à nossa geração noções de ética, de caridade e responsabilidade social.

VAMOS DENUNCIAR! Antes que seja tarde, antes que sejamos imobilizados por nossa falta de Consciência, nossa inércia irresponsável e nossos confortos mesquinhos!

ACORDEM, e mobilizem-se! Pelo fim da impunidade e do monopólio da imundície na Rede Globo et caterva!

***

Artigo também publicado como nota no Facebook: http://goo.gl/WyUeou

12 comentários em “Denúncia contra o “Especial de Natal” do grupo Porta dos Fundos

    1. Cara, você não se cansa de ser humilhado em público não? Você sai do Facebook para verificar se eu sou de direita ou não, vê que não sou esquerdista como você, e continua a dizer asneiras?

      Bem, agora que você viu que não pode me acusar de sofrer de esquerdopatia como você, vê se ponha a mão na Consciência e pare de ser apologista do CRIME!

      Cara, você é piada pronta para ir ao forno. Nem precisa misturar nada, você se auto-imola. 😀

      Curtir

  1. e outra vejo o natal e presentes, que envolve dinheiro e capitalismo é muito estranho misturar a fé que diga-se é bom, no entanto com um motivo de comprar presentes que envolve dinheiro e capitalismo, como várias datas feitas para gerar o dinheiro, fazer o bem tem que ser todos os dias.

    Curtir

    1. Mas que culpa teria a Igreja pela apropriação neoliberal de algo que não lhe compete, a saber o Natal? Culpa da mídia que é mercantilista e não tá nem aí para o verdadeiro sentido do Natal. E, falta de esclarecimento, todo ano, da parte da Igreja acerca do valor genuíno do Natal, não está faltando. O que falta é a mídia parar de desvirtuar e apropriar-se do que não é seu para ganhar em publicidade e o povo apóstata parar de se corromper e profanar a Fé.

      Curtir

  2. Eu denuncio esta causa, Jesus Cristo é o Senhor!!!
    não merecemos e muito menos o Cristo sofrer por essas humilhações baixas, temos dignidade e não podemos perder porque somos filhos do Criador!!! Se não criticarmos e se ficarmos calados jogaremos nossa fé no lixo!!! E eu acredito na remissão dos pecados na ressurreição da carne na vida eterna e de todas as promessas de Deus nas nossas vidas!!! Eu protesto contra essa pouca vergonha #

    Curtir

  3. Júlio, tem reparado como o torto virou direito e o direito virou torto? E o povo ainda acha graça, por absoluta falta de cultura verdadeira. Perderam a noção das coisas. Nem pensar pensam mais, e olha que o pensamento ainda é uma função primária. Que dirá raciocinando!
    Forte abraço Racional!

    Curtir

    1. Irmãzinha, esse povo é GADO! Nada mais que isso: GADO!

      Burro come capim porque lhe apraz, esfrega-se em outros burros porque é de sua natureza. Faz-se de teimoso, mas sempre tende a seguir o caminho que lhe indicam os antolhos acomodados perfeitamente ao seu crânio estreito!

      Deus tenha piedade de nós, pecadores!

      Curtir

Escreva abaixo seu comentário:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s