Livraria católica, onde?


Para quem não é católico, talvez esta postagem pouco lhe importe ou, no máximo, sirva de mera informação para consumo volátil. A maioria dos leitores mal chegará ao fim deste primeiro parágrafo, tendo em vista o título que vai direto ao ponto. Porém, ainda que poucos, os católicos focados na tempestade mundial que se abate sobre a Tradição Católica saberão guardar o que vou mostrar abaixo.

Eu assino vários boletins de ofertas de produtos voltados ao público católico, livros em sua maioria. Entre esses boletins, e-mails de editoras e livrarias se acumulam em minha Inbox. E qual não é minha surpresa quando me dou com um boletim do Livro da Semana, indicado pela Livraria Paulus! Segue abaixo imagem de reprodução:

Livro, ofertado pela Paulus, se refere à Virgem Maria como "essa mulher" e à Fé dos católicos como "imaginação religiosa".
Livro, ofertado pela Paulus, se refere à Virgem Maria como “essa mulher” e à Fé dos católicos como “imaginação religiosa”.

A legenda da imagem diz tudo. Quero salientar que é o anúncio da oferta que considero injurioso, o qual, em certo trecho, trata Nossa Senhora como “essa mulher” e a Fé cristã como “imaginação religiosa”. Confesso que não li o livro, e nem conheço melhores detalhes acerca da autora. O livro, inclusive, pode ser bom. Qual a intenção da Paulus, suposta livraria católica, em apresentar, dessa maneira infame e desrespeitosa, a um livro que pode ser edificante para as pessoas? Eu poderia pensar, até mesmo, que é essa uma estratégia visando desestimular a venda do livro, contando com a observação atenta de fiéis como eu e vocês. (Clique na imagem para visualizar a oferta no site.)

Claro! Há livrarias piores. Podemos encontrar aberrações como as citadas nesta postagem em outras livrarias, como a Vozes, Loyola, Cleofas e a Eclesiae. Mas, a Paulus era a que mais eu tinha em conta, até certo tempo atrás. A detentora dos direitos sobre a Paulus é a Pia Sociedade de São Paulo, que diz ter foco nas comunicações e na difusão de cultura não apenas do campo religioso, mas também em outras áreas humanas. Aí é que, mesmo procurando assegurar a forma “cristã” como esses conhecimentos são apresentados, podemos encontrar títulos nada “cristãos” no catálogo da Paulus, tais como esses abaixo:

De cara, na pequena descrição fornecida pelo site, fica fácil de deduzir de que se trata de uma propaganda de uma das propostas de Reforma Política (Golpe de Estado) do PT, ou seja, a da regulamentação da mídia. Dizem que querem democratizar, mas vindo de um partido de Esquerda, o verbo “democratizar” significa “censurar a imprensa”, homogeneizar o senso comum, monopolizar a opinião aceita. Vejam:

“Há muitas evidências de que já está se firmando a consciência de que também o sistema de comunicação social – privatizado, altamente concentrado e oligopolizado – não serve à democracia do país e precisa ser regulado a partir de princípios republicanos e pluralistas. […].”

(Clique na imagem para acessar a página da publicação.)

A descrição dessa publicação é ainda mais desaforada. (Clique na imagem para acessar a página da oferta no site.) Abaixo, qualquer católico pode ver apresentada não apenas uma afronta à Doutrina Católica, mas uma clara tentativa de ridicularização, odiosa e agressiva de nossa Fé.

“Por transformar o Mistério Primordial em uma pessoa todo-poderosa (ou até em três pessoas) e situá-la(s) em um mundo paralelo acima do nosso, tal representação deve ser classificada como pré-moderna. A partir daquele mundo superior, essa “pessoa” [Deus, nosso Senhor] interviria, como e quando quisesse, em nosso mundo terreno. Ela o faria em forma de revelações, decretos de lei, predições e – dependendo da conduta humana – em forma de recompensas e castigos. Uma representação impregnada de tanto antropomorfismo não é mais crível para o homem moderno, que, afinal, já passou pelo Esclarecimento. Em sua avaliação, quase tudo a contradiz, ao passo que nada mais a apoia.”

Enfim, como é dever alertar os católicos, irmãos e irmãs na Fé, acerca dessas pequenas armadilhas, plantadas sabe-se lá por qual qualidade de “católico”, começo a denunciar, por essa postagem, essas aberrações da propaganda pseudo-católica.

Anúncios

Escreva abaixo seu comentário:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s