O Tempo e o Rio


O Tempo passa, flui como um rio. Sabe quando você tenta caminhar dentro da água e ela pesa sobre seus músculos, e você fica cansado? Parece que nossos corpos atravessam o Tempo como se este fosse, de fato, um rio caudaloso.

Notas de Outono


Tendo já esgotado o pobre arsenal de ideias a serem expostas em uma curta Vida, tal a minha, rumino tudo aquilo que não fora, ainda, digerido.

Nós não amamos!


(Postagem republicada a partir do site Astro Errante.)


Hoje, enquanto eu meditava sobre as oposições em Cartas Natais, encontrei uma pergunta interessante (em um grupo do Facebook) que me fez pensar a fundo acerca de nossa condição humana. Concluí (e adianto, de propósito) que são as mais duras provações interiores que nos permitem evoluir como seres atrasados que somos.

Sobre o que é importante


Há muito tempo que deixei de me importar com a maior parte das datas comemorativas, tais como a do meu aniversário, Natal, Ano Novo, etc., exceto com as que ressoam diariamente em minha Vida. Ao contrário do que nos sugere o termo inglês date (encontro), para mim datas não são compromissos, mas indicadores de quanto algo nos marca, sobre o que nos importa verdadeiramente.