PT e PMDB: prestes a estuprarem a Constituição!


Eu poderia passar algumas noites (ou semanas) elencando, em extensos compêndios, todos os atos e projetos de lei inconstitucionais dos últimos três governos do PT na Presidência da República. Não apenas do PT, mas também de seus satélites socialistas (PC do B, PSOL, PDT) e grupelhos mercenários (PMDB, PR, PP). Eu ainda me ocuparei disso, mais à frente. Mas, nesta próxima semana, estaremos diante de mais um capítulo triste nessa novela mexicana, em que temos certeza do sequestro do Congresso pelo PT e do estupro coletivo da Constituição.

Como já era previsto, sua Excrescência, a presidente da República, Dilma Rousseff, deixou para falar a verdade acerca de suas cagadas anuais (ou anais) quando o povo não podia mais reclamar nem dizer que foi “enganado”. Agora foi, agora fodeu! Não adianta, o Congresso já se sente à vontade, com um passaporte de 4 anos, para pisotear a Lei numa sanha de ódio pelo que há de moral nela contido.

Continue Lendo “PT e PMDB: prestes a estuprarem a Constituição!”

Diga NÃO ao aborto! Diga SIM à Vida!


Obviamente, por eu ser católico, esse tema é (e continuará sendo, enquanto necessário) recorrente neste blog. Mas este assunto é concernente não apenas aos cristãos (genuínos), mas a todos que têm bom senso e são norteados pelo sentimento de Amor à Vida. Há um conflito de matiz ideológica no Brasil (e no Mundo) entre os que defendem o Direito à Vida (art. III da Declaração Universal dos Direitos Humanos) e os que buscam relativizá-lo em prol de suas irresponsabilidades (esses, todos, socialistas e esquerdistas), promovendo o aborto, a eutanásia e a destruição do modelo familiar que garante a continuidade da Civilização.

Utilizando uma das táticas apregoadas por Antônio Gramsci – a saber, a “ocupação de espaços” -, defensores do aborto e outras aberrações socialistas buscam tornar a prática do aborto algo a que a população se acostume, sempre se utilizando de argumentações vazias e a defesa de falsos direitos, ou simplesmente tentando ganhar a parada no grito histérico, principalmente dos LGBTs, que se acham inatacáveis.

É sempre assim! Eles não se cansam, mesmo se contradizendo, ainda que a população diga mil vezes “não” ao aborto, eles não se cansam. E por que não desistem? Não desistem porque isso tudo faz parte de uma agenda unificada, mundial, coordenada por poderosas instituições internacionais e alavancadas pela grande mídia. É preciso que as pessoas se conscientizem acerca dessa situação e se posicionem, exercendo, através de sua cidadania, pressão sobre as autoridades e parlamentares eleitos para que enterrem esses projetos assassinos.

Continue Lendo “Diga NÃO ao aborto! Diga SIM à Vida!”

Escreveu, não leu… e foi eleito!


É isso aí: não bastasse tudo que temos presenciado nesse circo de horrores que é a Politicalha Brasileira, essa xanxada ridícula, agora vimos o inteligentíssimo povo brasileiro exercendo de forma magnífica (!!!) seu poder de voto. Elegeram o Tiririca como candidato mais votado para a Câmara Federal.

 

Tiririca, o Bobo-da-Corte

O Poder Judiciário tentou salvar a parada, a honra do pleito eleitoral, mas não adiantou muito; de forma, no mínimo, contestável, Tiririca “provou” que sabe ler e escrever. Mas, saber ler e escrever garante que alguém esteja preparado para legislar?? Sim, um deputado federal é eleito a ser um legislador para a Nação. O Congresso Nacional não é apenas um Circo Politiqueiro, onde jogos de interesses oligárquicos são confrontados. É o Templo de Representação da Coletividade Nacional… é onde se congregam os representantes das Unidades da Federação!!

Na minha leiga opinião, para legislar um cidadão, além de ser brasileiro e outras prerrogativas, deveria, em primeiro lugar, ter noções básicas de Direito e Cidadania. Aprender a ouvir e estar preparado para falar diante das mais variadas seções da sociedade, assim podendo sintetizar e idealizar a Vontade da maioria.

Mas, o que fazer, se a vontade da maioria é que não lhes saibam representar?? Posso deduzir, por isso, que a maior parte do povo não se importa em que lhes ouçam as verdadeiras e essenciais demandas sociais, mas apenas cumprir uma obrigação cível de votar ou usar a faculdade eletiva para protestar. O que poucas dessas pessoas que votaram por protesto em Tiririca não sabem é que junto dele, elegeram mais quatro (4) candidatos que talvez nunca tenham ouvido falar!

No passado, quando a educação era mesmo artigo de luxo, tornava-se compreensível que se fizesse acessível a representação do Povo aos que menos tivessem educação, para fortalecer efetivamente a Representatividade popular. Mas hoje, quando a educação tornou-se algo menos inatingível, mais acessível a todos, aceitar que um analfabeto, sem nenhuma experiência em representação social e mobilização por direitos da coletividade, sem qualquer noção das Leis que regem a República, seja investido de um mandato  nacional é de uma inconsciência arrebatadora!!

Não defendo que todos, indistintamente, tenham que ser formados em profissões nobres, nem privilegio as mesmas profissões. Um artista pode mesmo ser deputado, mas o que o tal artista fez para engrandecer a cultura do país?? Foi formador de opinião, ou ajudou a  fragmentá-la? Lutou e esteve atuante em alguma causa coletiva, ou legislará em causa própria?

Temos exemplos fartos de que deputados e senadores, em sua maioria, não possuem os mínimos rudimentos de atualidades brasileiras. No programa CQC, da Band, certa vez, vários congressistas foram entrevistados, e surpreendidos, sem que soubessem responder quando perguntados sobre a capital de Cuba ou o significado da palavra República. Como legislarão para a República, se nem sabem o que é uma República?? Quem dirá se perguntados sobre os primeiros artigos da Constituição Federal!!

O Presidente Lula é uma das raras exceções à regra, já que, mesmo aproximando-se de sua primeira eleição sendo um semi-analfabeto, tinha muita vivência social por todo o país, e conhecia de perto as demandas nacionais, embora imbuído de visões comunistas arcaicas.

Mas como aceitar um analfabeto no Congresso?? Isso é sinal de como o povo deseja erradicar o analfabetismo do país, elegendo um analfabeto que nada saberá fazer no Congresso, além de ser o bobo-mor da Côrte da Sacanagem!!

 

 

Uma comunidade inteira jogada na rua por uma reintegração de posse


Crianças na chuva, famílias inteiras: mulheres, crianças e idosos na rua, sem ter para onde ir, abandonadas à própria sorte, por causa de uma reintegração de posse de um terreno particular invadido, conhecido como acampamento Olga Benário, pertencente a uma empresa de transportes (Viação Campo Lindo) de São Paulo.  Ao todo, são mais 2 mil pessoas sem teto.

Bombas de efeito moral por parte do aparato de repressão das elites e tratores das empresas derrubando os barracos que ainda não tinham sido queimados pelos moradores da favela … em revolta pela decisão de despejo. Está certo: o terreno era particular e a reintegração era legal, mas arrancar aquelas pessoas sem que o poder público lhes desse uma alternativa, um rumo, uma direção, pessoas essas que não tinham nada??!!  Saíram para a rua com menos ainda. Agora, enquanto estavam lá, eram um estorvo para a empresa. Estando na rua, a responsabilidade passa a ser da prefeitura de São Paulo. E aí?? O que fizeram os dignos mandatários eleitos pelo povo??

Na noite do ocorrido, há dois dias, ainda nenhum representante da prefeitura ou assistente social tinha aparecido nem pra oferecer um café ou uma bolacha para aquelas crianças, que estavam o dia inteiro (algumas há ainda mais tempo, imagino) sem comer. E terminaram a noite na chuva, nas esquinas das ruelas, sem ter como se proteger nem onde dormir.

Crianças acampadas, sem ter para onde ir.
Crianças acampadas, sem ter para onde ir.

Não quero parecer demagogo ou sentimentalóide, nem fazer malhação de Judas com alguém. Eu estou aqui, confortável, sentado defronte ao meu PC, tomando café. Daqui a pouco vou dormir sabendo que há milhares, centenas de milhares de pessoas nas ruas desse país, sem rumo. Milhares de pais que assistem filhos pequenos reclamando de fome, sem ter um pedaçode pão duro para lhes dar. Não dá para fingir que não estou nem aí. Imagino que a maior parte dos que souberam deste fato também pensam assim.

Apenas os deputados, com suas casas e com apartamento funcional pago por nós, para onde levam parentes e suas prostitutas e menores para orgias, é que não estão nem aí. Somente o Lula, que arrota e se orgulha de ter passado fome e ser do povão, mas que depois no AeroLula reclama que a refeição e o serviço de bordo lhe faziam perder o apetite (pois não era digno de sua Excelência!) é que não deve se preocupar tanto. Apenas salvar Ladrões maranhenses e planejar a ascensão de Dona Dilma. Eis suas preocupações!!

Mas esses canalhas, esse miseráveis, esse homúnculos energúmenos, na hora de ir pedir votos e iludir aquelas pessoas… aí sim, eles se sujeitavam a sujar seus sapatos italianos na lama, que se assemelha muito a suas almas podres e insignificantes.