Por que eu VOTO NULO??


Tenho 29 anos. Sou brasileiro, naturalmente, e até os 17 anos sonhava em participar ativamente, mais do que hoje, das decisões importantes do meu país. Coisa também natural, para um jovem idealista. Fiz meu título de eleitor com o maior orgulho. E digo isso sem uma ponta de demagogia sequer!!

Votei, nesse meio tempo, alternativamente, tentando sempre escolher com consciência meus candidatos, variando entre opções que me eram apresentadas, as quais tentava verificar de mais perto. Aos poucos, fui percebendo que esses candidatos, ora se davam as mãos, ora se engalfinhavam. Os mesmos que se acusavam, mesmo por meio de baixarias vergonhosas durante as campanhas eleitorais, eram os mesmos que, após terminados os pleitos, se congratulavam hipocritamente. E nós?? E eu?? Com que cara ficamos??

Percebi que NÃO HÁ DEMOCRACIA verdadeiramente nesse país, e em nenhum outro!! Esse joguinho besta de poder alternante é uma piadinha de mal gosto. O Poder sempre foi a tônica de qualquer candidato a qualquer coisa. E os que se preocupavam realmente com o povo sabiam disso, e se abstinham do Poder. Tomemos como exemplo Mahatma Gandhi. Ele, quando aclamado pelas massas, e estimulado pelos reais donos do Poder indiano, recusou-se decididamente a subir ao Poder. Os presidentes de países “democráticos” (assim como os Reis de outrora) não passam de meras figuras decorativas, um ídolo hierofante, por trás do qual se esconde a Besta feroz.

E o que mais me leva a ter certeza de que NÃO HÁ DEMOCRACIA??

DEMOCRACIA é (ou deveria ser) o poder do Povo. Mas o povo delega aos partidos o veredito de lhes decidir quem poderá ter chances de governar. Depois que delegaram este poder aos abutres, não mais tiveram controles, pois não é o Povo quem faz as Leis. E não podemos mudar mais as Leis, pois mude ou não os Delegados, há um Poder supremo que decide as Leis que regerão essa eleição.

Nós fazemos as Leis Eleitorais?? Não!! Então eu não sou eleitor, pois não estou no direito de opinar sobre aquilo que me rege. Sou Eleitor mesmo?? Será?? Ou simplesmente opto entre alternativas não desejadas por mim?? São alternativas geradas pelo marketing daqueles que mais aparecem. Por isso, considero as Comunicações de massa no Brasil, excetuando a Blogosfera, como um sistema tirânico. E depois dizem que a Globo e a Record não mandam no Brasil…

Eu não elejo niguém, porque não me permitem dizer quem quero que seja eleito. Até porque não apareceria ninguém verdadeiramente honesto e de “rabo livre” para se candidatar. Não sei como, mas se há esses honestos, eles são “cortados” antes que subam e apareçam. Se aparecem, ou entram no jogo, ou é tirado dele, por bem (suborno ou algo assim) ou por mal (acusações falsas e até assassinatos). Eles (a oligarquia mandatária) simplesmente me permitem que eu opte!! Isso não é escolher; é apenas decidir quem vão cortar minha cabeça mais tarde, e me deixar gozar mais um pouco!!

Olha a minha cara de "Eleitor"!!

Pior do que ter a consciência pesada de não votar, ou votar nulo, é ficar sabendo que depois de mais uma eleição vou participar do concerto dos Caras de Palhaço!! Tentar acertar?? Em quem?? Não há alternativas viáveis!! É tudo farinha do mesmo saco, faces da mesma efígie desbotada de César!!