Ventos do Tempo


Há uma história que não pode ser contada pelos dedos ou pela boca. As flores, lágrimas, ventos insanos e estradas mal desenhadas é que descrevem o quão louco é o Tempo de nossas vidas.

Continuar lendo Ventos do Tempo

Sal da Terra e Luz do Mundo


Numa certa pregação, Jesus teria dito aos seus discípulos e ouvintes que eles são o “sal da Terra” e a “Luz do Mundo” ¹. Devemos tentar entender essas expressões como paralelas e conjugadas. Através da via analógica (como aquela utilizada por Hermes Trismegistos²), sabemos que o Sal e a Luz são, para o Universo, semelhantes ao que são para a Terra; para o homem como o são para a mulher; para o que é pequeno como para o grande. Andiamo!

Continuar lendo Sal da Terra e Luz do Mundo

Crepúsculo da Água e do Fogo


És como um um lago, a cujas águas não posso resistir. Afundo, então, perplexo, sem que quaisquer de meus espasmos, em meio ao volume de teus soluços, consigam se fazer ouvir.

Continuar lendo Crepúsculo da Água e do Fogo

Natal: A Grande Luz brilhou nas Trevas


“Ali estava a Luz verdadeira, Que ilumina a todo o homem que vem ao Mundo. Estava no mundo, e o mundo foi feito por Ele, e o mundo não O conheceu. Veio para o que era seu, e os seus não O receberam. Mas, a todos quantos O receberam, deu-lhes o poder de serem feitos filhos de Deus, aos que creem em Seu Nome.”

(João 1:9-12)

A Luz está aí, há dois mil anos sacramentada no Corpo da Igreja e em seus Sacramentos, instituídos pelo próprio Cristo. Cabe a nós decidir se deixamos a Luz de Cristo, filho excelso do Amor de Deus, entrar em nossas casas, famílias e em nossos Corações, ou não a receber assim como as Trevas tendem a fazer.

Lembrei-me de um provérbio oriental que diz: “Por onde a Luz avança, daí as Trevas se afastam”. Não deixemos que nos afastemos da Luz, não sejamos arrastados pela corrente como gado para o precipício. Se nos arrastam para o abismo é porque atrás de nós, sem que saibamos, a Luz avança para sua Vitória definitiva e natural, tal como o Sol que todas as manhãs vence a angústia da Noite.

Desejo a todos um Feliz e Santo Natal, em memória e alegria suprema pelo Nascimento de Deus entre nós! 😀

Vós sois deuses!


“Eu disse: Vós sois deuses, e todos vós outros sois Filhos do Altíssimo” (Salmos 82, 6).


salmo82-6

“Ani amarthi: Elohim áthem u-vnei Elion kulkhem!”

Eu junto esse versículo dos Salmos àquele em que o Mestre nos declara que o Reino de Deus está dentro de cada um de nós. Ora, devemos manifestar essa natureza divina inerente à nossa Alma, seja por virtudes, pensamentos e palavras.

Ao invés de focarmos com nossos sentidos falhos a turbulência mundana com falta de fé, devemos nos lembrar que o Criador originou tudo, e organizou, a partir do Caos e do Nada. Devemos transformar, com confiança, o que está em desarmonia em uma realidade plena de Ordem, que é o primeiro sintoma da ação do Amor. Devemos manifestar essa filiação divina, colocando ordem no Mundo, com a mesma certeza de quando o Senhor disse: “Haja a Luz”.

Salmo 121 em Hebraico (melodia linda)

Havia dito essas coisas a uma amiga querida, por e-mail, que está passando por problemas, aos olhos dela, insolúveis. Nesse mundo, não se resolve apenas os casos de morte que, por si mesmos, já estão resolvidos. Eu não chamo Morte à cessação da manifestação de uma alma em um corpo físico, mas apenas Transição, como o fazem os Rosacruzes.

O cerne do sofrimento humano é a separação de sua compreensão da presença da Divindade em si mesmos. A essas pessoas, dizem que Deus criou o Universo a partir de seus próprios pensamentos e de sua própria substância. Elas se decepcionam quando, por sua incompreensão e incapacidade de perceber a Divindade, e manifestá-la por efeitos objetivos, não conseguem vislumbrar nada além das nuvens espessas que se transformam em tornados, frente à inércia de suas Vontades.

Quando as pessoas sofrem, elas podem até se abrir com outras pessoas, mas acabam se fechando em si mesmas. Devem, então, parar de focar no sofrimento, para que de sementes boas, surjam soluções para aquele terreno com problemas. Focar o Bem, as pessoas que podem ajudar, o Amor que transforma. Ele (o Amor) colocou tudo em ordem, aquilo que fora criado pela Luz e animado pela Vida, e haverá de renovar todas as coisas do Universo, até que cheguemos à Noite de Deus e tudo volte a dormir em sono profundo. Até lá, o Amor restituirá tudo, as alegrias e as dores, e todas as provas necessárias para passar de Ano na Escola do Universo.