Coronavírus: Recomendações para combate à pandemia


Depois que o Presidente Jair Bolsonaro teve que engolir a fantasia conspiratória sobre o nCoViD-19 (novo Coronavírus), acordamos para a realidade, que não é fake, de que já fomos atingidos pela pandemia do momento.

Continue Lendo “Coronavírus: Recomendações para combate à pandemia”

A Fosfoetanolamina e a Cura para o Câncer


Ainda que não deseje me alongar demais nesta matéria semanal, um tópico merece atenção especial da minha parte e da dos leitores que me acompanham. Aliás, este tópico requer a atenção de todos os seres humanos com algum senso de responsabilidade e previdência. Falarei sobre a busca dos pacientes com Câncer pela própria sobrevivência e a polêmica Fosfoetanolamina. Afinal, quem garante que jamais sofrerá com o câncer?

Continue Lendo “A Fosfoetanolamina e a Cura para o Câncer”

“Pacientes, conheçam seus direitos!”


“Pacientes, conheçam seus direitos!” — isso é o que ouvi insistentemente de um homem cuja voz bradava com certo desespero, pelas filas de pacientes, às portas do Hospital Governador Celso Ramos (Florianópolis, SC).

Gasparino Martinho Rodrigues, presidente da Associação Amigos da Saúde (Florianópolis, SC)
Gasparino Martinho Rodrigues, presidente da Associação Amigos da Saúde (Florianópolis, SC).

Seu nome é Gasparino Martinho Rodrigues. Com 68 anos, tendo apenas o Ensino Fundamental completo, empresário, natural de Gravatal (SC), é presidente da Associação Amigos da Saúde e conselheiro do Conselho Local de Saúde de Florianópolis. Depois que a esposa foi enviada a Porto Alegre para tratamento médico, teve que pagar todas as custas da viagem e recebido do Governo do Estado apenas a passagem de ida dela, Gasparino ficou sabendo que há leis que protegem o povo nessas circunstâncias difíceis. “O que falta mesmo”, segundo ele, “é o povo se conscientizar e cobrar das autoridades, não se acostumar com esse estado de coisas”.

Continue Lendo ““Pacientes, conheçam seus direitos!””

PT e Ditadura Cubana: ambos são traficantes de escravos!


Médico cubano, radicado há 12 anos no Brasil, desce a lenha no des-governo de Dilma Rousseff e expõe Ministro da Saúde ao ridículo proferido por este. Denúncias sérias contra o Programa Mais Médicos são arremessadas em riste dos deputados como merda no ventilador, demonstrando a situação humilhante pela qual os médicos cubanos passam em seu país.

Entre os destaques, podemos citar quando o médico em questão desmente o Ministro da Saúde, Alexandre Padilha, após este ter se referido ao governo cubano como democrático, contestando-o e dizendo que Cuba vive numa ditadura sangrenta. Mas, o que mais poderia vir de um “ministro” cujo diploma é considerado falso?

Também alertou que, sim, os médicos cubanos estão muito felizes de vir trabalhar no Brasil por poder ganhar aqui, durante algum tempo, 300 dólares por mês, enquanto em Cuba seu vínculo como escravos empregatício lhes rende de 60 a 70 reais mensais por uma jornada de, no mínimo, 60 horas por semana.

O que dizer de um partido (PT) que, aqui no Brasil organiza e financia manifestações pela redução de 20 centavos na passagem e diz defender os direitos dos trabalhadores mas que não faz nada para pressionar a ditadura de um país nanico a respeitar os direitos humanos de seus trabalhadores escravos?? Conclusão: só “defendem” os trabalhadores se quem estiver no poder não for um dos seus correligionários. Se for um deles, então ainda mais apoiam, desavergonhadamente, a exploração do homem pelo homem, dos pobres por carniceiros comunistas.

Abaixo, o vídeo com seu depoimento na Câmara dos De-puta-dos: