Em mais um episódio infame, áudio expõe PT, Congresso e STF


Em uma gravação de áudio feita por Bernardo Cerveró, filho de Nestor Cerveró,  Delcídio Amaral (senador do PT/MS) tenta negociar influência de ministros do STF para melar novas operações e investigações. A seguir, um resumo e o áudio, na íntegra, da gravação.

Continuar lendo “Em mais um episódio infame, áudio expõe PT, Congresso e STF”

Dilma e Lula seriam imunes a investigações?


Ontem, 28, foi aprovada no Plenário da Câmara, a Medida Provisória 657, de 14 de outubro de 2014 [1], de autoria da atual Presidente da República, Dilma Rousseff. Entre outras coisas, ela prevê:

Ementa
Altera a Lei no 9.266, de 15 de março de 1996, que reorganiza as classes da Carreira Policial Federal, fixa a remuneração dos cargos que as integram e dá outras providências.

Continuar lendo “Dilma e Lula seriam imunes a investigações?”

ATEA: Ateus e agnósticos ultrajam católicos


Em colaboração com um amigo do Facebook que me marcou em uma de suas postagens, venho hoje ao blog para denunciar mais uma das já não surpreendentes agressões laicistas de setores ateus e neoateus, protegidos por organizações anticatólicas, contra símbolos da Igreja e a pessoa de Nosso Senhor Jesus Cristo. Trata-se de integrantes mentalmente desnutridos, sem vergonha na cara, de uma página de ateus, a ATEA.

Militam em nome de um laicismo estatal, mas esquecem que o Laicismo não equivale ao Ateísmo, mas à neutralidade do Estado em relação às opções de crença ou não-crença dos cidadãos. Mais: ainda que o Ateísmo não possa ser enquadrado como um credo, nem mesmo antirreligioso, ele nasceu (com o Positivismo iluminista, de inspiração maçônica) de uma relação de oposição às crenças teístas. Portanto, antes de mais nada, ateus e agnósticos precisam ser honestos consigo mesmos e admitirem que o Ateísmo tem sim relação com as religiões. Como veremos abaixo, eles mantém um posicionamento agressivo em relação a elas e incitador de ódio anticristão, já conhecido como Cristofobia.

Continuar lendo “ATEA: Ateus e agnósticos ultrajam católicos”