Site grátis para seu negócio


Num país, como o nosso, em que a pirâmide do INSS já dá sinais de que vai desabar a qualquer momento, deixando os contribuintes a ver navios em um futuro próximo, uma multidão de pessoas se aventuram em empreender seu próprio negócio.

Porém, na era da tecnologia (com um empurrão da pandemia por Covid-19), em que serviços e produtos são caçados cada vez mais através da internet, negócios sem presença digital nas redes sociais acabam perdendo espaço (e, portanto, oportunidades de faturar mais).

Você pode perguntar: Mas, como eu poderia aumentar a presença digital do meu negócio? É sobre isso que vim falar com você.

Sobre a luta pela privacidade


Há anos que venho ensaiando o salto final para a independência pessoal na internet, com vistas a preservar a privacidade, algo tão depreciado hoje em dia, além de promover essa necessidade entre meus amigos e leitores. Pois, eis que sigo e, creio eu, desta vez conseguirei avançar nesse ideal. Vejamos o que tenho a recomendar a todos.

Náufragos sem fronteiras


Sim, essa postagem é uma crítica, além de simples reflexão. Sim, ela se aplica aos seres humanos ansiosos, perdidos e confortavelmente à deriva em meio a esse grande Oceano de gente em que vivemos. Náufragos, de todas as idades, de todos os lugares, de todas as redes.

Nota: Banimento perpétuo do Facebook


Após ter excluído meu perfil pessoal antigo no Facebook, há mais de um mês, por motivos particulares, tentei retornar a esta rede social. Por três vezes, tentei fazer um novo perfil pessoal. Segui, sem pestanejar, as famosas “Regras da Comunidade”. Mesmo assim, após ter sido extorquido e forçado a enviar fotos exclusivas de rosto e de meu documento de identidade (R. G.), tive tais contas, uma após a outra, desativadas sem receber qualquer explicação, nem por e-mail, nem por telefone.