Militantes gays e feministas em sua intolerância: quem vai preso?


Estou entrando com representação junto à Ouvidoria do Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro pela manifestação de intolerância religiosa e atentado violento ao pudor cometida por um bando de criminosos cristofóbicos e racistas altamente preconceituosos, composto principalmente de militantes gays e feministas da Marcha das Vadias (ou seriam vadias em marcha??).

A manifestação criminosa aconteceu durante a Jornada Mundial da Juventude, em praça pública, na praia de Copacabana, diante de todos os passantes. Realizou-se ultraje explícito aos símbolos de Fé de milhões de brasileiros em cenas de bizarrice e retardo mental flagrante.

Continue Lendo “Militantes gays e feministas em sua intolerância: quem vai preso?”

Vídeo completo da Vigília da Jornada Mundial da Juventude 2013


Papa acena para os fiéis ao chegar para a Vigília de Adoração. (27/07/2013)

Mesmo com as reservas com relação à pessoa do Papa Francisco e aos organizadores da Jornada Mundial da Juventude Rio 2013, confesso que fiquei emocionado em vários momentos, principalmente durante a Adoração ao Santíssimo Sacramento. Há, acaso, algum coração católico que não bata mais forte durante o canto “Tantum Ergo Sacramentum” (Tão Sublime Sacramento)?? Imaginem como estavam os corações dos mais de dois milhões de fiéis presentes?

P. S.: É realmente frustrante para qualquer católico de bem que a CNBB (ou CNB do B) tenha isolado o Papa Francisco das informações necessárias para que pudesse, solenemente, instar presidente Dilma a vetar o diabólico PLC 03/2013, conhecida como a “Lei do Aborto”.

Mas, as serpentes purpuradas instaladas na CNBB (que constituem, por ação ou omissão, a maioria dos bispos brasileiros), a serviço do Diabo, hão de prestar contas diante de Deus pelo sangue dos milhões de inocentes que precipitam à morte!

Abaixo, o vídeo completo da Vigília da Jornada Mundial da Juventude Rio 2013, com a presença do convidado especial, o Santo Padre, Papa Francisco, na praia de Copacabana, Rio de Janeiro (RJ) neste sábado, 27 de Julho de 2013.

O Colégio Pedro II e os valores que a República não aproveitou


Posso parecer, por vezes, ora idealista, ora saudosista. Tanto naquele caso como neste, a Razão acaba cedendo ao mito, ao sonho, ao desejo de que as coisas voltem, por um passe de mágica, a ser como eram outrora. Logicamente, as coisas, como eram, deviam a uma certa conjuntura de fatores sua razão de ser que jamais se repetirá. À época em que algumas coisas valiam, havia uma identidade que representava certos ideais. Essa identidade, junto com seus ideais, foi sufocada por um rolo compressor ideológico que matou parte da alma da maior parte das pessoas, mesmo do povo brasileiro.

Os casamentos voltarão a ter sua sacralidade reconhecida ou verterão seus restos ladeira abaixo de uma vez por todas? A educação de nossos filhos retornará ao idílico sonho clássico ou estará sujeita a ditames psicóticos de uma ideologia assassina, travestida com os trapos da “justiça social”?? Se havia hipocrisia nos tempos do Império quanto ao ideal da educação da elite, hoje tal hipocrisia se manifesta nas promessas de uma formação integral para os menos favorecidos, porém não espelhando-se no que havia de bom, mas na impraticável convivência de princípios imorais com o objetivo do desenvolvimento educacional.

Colégio Pedro II, atualmente. Rio de Janeiro, RJ.
Colégio Pedro II, atualmente. Rio de Janeiro, RJ.

Para exemplificar o dito acima, transcrevo, a seguir, um trecho da aula inaugural do Colégio Pedro II, localizado na cidade do Rio de Janeiro, também chamado, à época do Império, deImperial Collegio. Tal pronunciamento fora proferido pelo Ministro de Governo imperial na época da Regência de Araújo Lima – a saber, Bernardo Pereira de Vasconcelos – aos 2 de dezembro de 1837, data do aniversário de D. Pedro II.

Continue Lendo “O Colégio Pedro II e os valores que a República não aproveitou”

Lula e Sérgio Cabral: Otários, sacanas e burgueses são vocês!!


O título é apenas o uso de meu direito de resposta, como cidadão brasileiro, ao vídeo que demonstra bem o respeito e espírito “desportivo”  do governador do Rio,  Sérgio Cabral Filho, e do Presidente da República, Luís Inácio Lula da Silva.

Foi visitando o blog de minha amiga, Mirna Cavalcanti, que presenciei as cenas a seguir, amplamente divulgadas no YouTube. Depois, também, vi que já constava dos arquivos do KibeLoco.

São cenas tão grotescas, que me causaram tanta repugnância, que realmente prefiro me eximir de responder apropriadamente àqueles senhores que se dizem representantes do povo. Se eles são, legitimamente (falo de Consciência, agora), representantes do Povo, então esse Povo, além de burro, é otário e sacana, tais como mostram ser aqueles senhores, pela forma grosseira com que tratam aquele menino do vídeo, o Leandro, e por tabela, todo o Povo Brasileiro.

O vídeo polêmico em questão refere-se à inauguração de um complexo esportivo no Rio de Janeiro, que contava com a presença anunciadas de Lula e Sérgio Cabral, mas também de Dilma Roussef, que não aparece no vídeo, mas que é referida segundo fontes seguras, em links supracitados.