Boa noite a todos!

É de coração que venho aqui dividir com todos os buscadores(as) e leitores(as) deste espaço, sejam eles(as) ausentes, simples visitantes ou assíduos opinadores, que este site atingiu, hoje, seu primeiro milhão de visitas. Não obstante a maneira ora ácida, ora emocionada, com que este Autor se manifesta, ele é muito grato a todos (mesmo) pelo tempo dispensado na leitura de suas opiniões, poesias, ensaios e imagens. Não raro, dividi importantes passagens de minha vida com vocês.

CLIQUE na imagem para visualizá-la em tamanho original.
Abaixo, à direita, podemos ver o resultado de sete anos de livre expressão da Alma deste Autor. Obrigado a todos!

Sinto-me com o dever cumprido por, ao longo desses sete últimos anos, ter denunciado abusos e bizarrices de nossa sociedade, como quando critiquei duramente a apologia à violência contra a mulher muçulmana no Brasil da parte daqueles que as deveriam defender. Tentei, à minha maneira, alertar as mentes anestesiadas de alguns acerca da farsa em que consiste o moderno conceito de democracia, abominado até por Aristóteles, há mais de dois mil anos. Expus a todos quantos quisessem como a Obra de ícones importantes de nossa literatura e da política é banida das livrarias por contrar o status quo de algumas elites endinheiradas. Enfim, combati o deboche que é a mentira das oposições políticas e ideológicas, o racismo dos supostos coitados, o engodo do sistema de cotas, a indiferença dos parcialmente indignados, a ganância encarniçada dos laboratórios contra a cura do câncer.

Mas, nem só de denúncias e opiniões vive um blogueiro apaixonado pela expressão de sentimentos, mas também de publicar poesias, ensaios e reflexões. Foi e sempre será assim. Refleti acerca de nossas ilusões, que se erguem e se desfazem como Castelos de Areia; falei do Amor, superior, como um pacto, mais e ainda mais. Como o Amor se manifesta de forma contraditória através da forma que o projetamos, mesmo nos momentos mais difíceis, expus as mais belas imagens do meu subconsciente, tal como uma busca por contatos perdidos, como uma visão de meu último leito, sob um céu da tarde e sobre uma grama verde.

Vivemos tempos de fúria, não é mesmo? Não obstante busquemos uma sublime via de entendimento, parece que aqueles sonhos mencionados acima não se realizam. Acaso, não é assim que são os sonhos, mantidos a toda custo longe da profanação mundana de nosso pessimismo? Por isso mesmo é que busquei colorir esta aura cinzenta e pesada de opiniões com algumas pérolas, como aquela que fala da vida como um sonho dentro de um sonho, pronta que é para receber, de nós, a última indulgência, que nos faz repousar no último sono. É assim que aquele que aspira, num dia remoto do futuro, ao sublime ofício da Amizade para com a Verdade, esta que nos mostra que a Realidade está, inexoravelmente, dentro de nós mesmos e que a felicidade duradoura é apenas uma vaidade, nada mais que vaidade.

Como eu disse certa vez, “a essência da Poesia é a metáfora” e os humanos não vivem sem ilusões. Ao saberem de toda a “verdade”, a humanidade colapsaria e sucumbiria. A ilusão é uma droga, não obstante necessária. O melhor remédio que encontrei para transformar esse vício em processo de autoconhecimento foi ir fundo em mim mesmo e trazer a todos o que lá encontrei. Atrevi-me a escrever ensaios sobre a amargura, a inveja, a modéstia, sobre os desejos, sobre o Infinito e, até, mesmo, sobre Deus.

O que é você? Existimos nós ou estamos a experienciar um sonho, uma simulação? Estas e outras maluquices são as que retém a atenção, atualmente, deste vosso Autor. Diga-me você se meu pequenino esforço lhe agradou ou, ao menos, lhe ajudou a refletir. Se sim, você já terá feito um buscador, com nome comum e um nickname esquisito, bastante feliz. Se não, convido-te a me enviar suas sugestões através de uma mensagem de contato.

Só para constar… 😀 Um abraço a todos!

 

2 comentários em “É de coração!

  1. PARABÉNS a você, Irmão Querido Júlio, sincero buscador da REALIDADE positiva, num mundo deformado, onde as mentes, dependentes dessa deformação e subjugados por ela, pela vaidade de não quererem enxergar essa realidade negativa, vão aceitando tudo que o sistema, pleno de contradições, há milênios vem impondo a todos, com toda crueldade, para ver se essas mentes se demovem dessa vida parasitária.
    Cada qual tem aquilo que fez e faz por onde merecer! E aí está o coroamento de seu trabalho sem tréguas: o aplauso de visitantes e apreciadores de sua luta por um mundo mais justo, onde o amor ao próximo como a si mesmo, venha, num futuro próximo – acredito, ser a única lei adotada nos quatro cantos do mundo.
    Irmanada à Mãe Natureza e a todos que lhe aplaudem, abraço com gratidão sua linda pessoa, pela LUZ DO RACIOCÍNIO – de coração!

    Sua Mana Nágea Luiza.

    Curtido por 1 pessoa

Escreva abaixo seu comentário:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s